Helena Arcoverde

Limpeza teórica? Mais essa!

Posted in Crônica by helenarcoverde on 16/06/2011

Não se estuda apenas com base em consensos, mas também em pensamentos distintos. Não se pinça pressupostos adversos para comprovar um trabalho que já se sabe a resposta antes de iniciá-lo, apenas para  corroborar com o que já se tinha feito e os colegas também, mas sim para descobrir, investigar, certificar-se, de preferência provisoriamente. A perpetuação das certezas é nociva. O que se vê, em muitos casos, é uma espécie de unanimidade infrutífera. Os resultados dessa “limpeza” teórica só ficarão evidentes quando começarem a sobrar vagas, quando recair para um funcionário o trabalho de dez que estão na mesa ao lado, mas não conseguem desenvolve-lo, seja ele em qual âmbito for. Quando os discursos, já repetitivos, estiverem realmente insuportáveis. Não se obtém avanços porque a estaca é sempre zero. Você lê e já sabe as conclusões ainda no primeiro parágrafo “a depender do andar da carruagem”. E ela tem sempre os mesmos passageiros: olá gente, acreditem, estou certa, estou de volta! E, então expressões como “trabalho desenvolvido à luz de estudos teóricos” ficarão (felizmente há exceções) em desuso. Alguém falou em luz?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: